Aumente a velocidade de arranque do LibreOffice

15:19:03Esta é um dica muito bacana para todos os usuários da Suíte de escritório Libre Office, tanto em plataformas Linux como o Ubuntu, Manjaro, como Windows e Mac OS.

O Libre Office já é rápido mas você sabia que ele pode ficar instantâneo tipo macarrão?

Abra o Libre Office, pode ser qualquer uma de suas aplicações, no exemplo abaixo estou usando o Writer.

Vá até o menu Ferramentas e clique em Opções; Na sessão Memória configure da seguinte maneira:

  • Número de etapas: 20
  • Utilizar para o LibreOffice: 256 MB
  • Memória por objeto: 50 MB
  • Remover da memória após: 00:01 hh: mm
  • Número de objetos: 20
  • Dê Ok, feche o Libre Office e abra novamente, sinta a diferença!
Anúncios

Instalando Qmmp no Manjaro

qmmpQmmp é um player multimídia de código aberto, multi-plataforma popular, semelhante ao Winamp e escrito em Qt. Ele tem suporte para os formatos de arquivos multimídia mais populares, incluindo MPEG1 camada 2/3, Ogg Vorbis, Ogg Opus, Native FLAC / Ogg FLAC, Musepack, WavePack, WMA, Midi.

A última versão disponível é o Qmmp 0.9.1, vindo com mudanças que podem ser vistas aqui.

Para instalar o Qmmp, faça da seguinte maneira:

sudo pacman -S qmmp

Instalando Viber no Manjaro

viberViber é um aplicativo de comunicação que possui mais de 100 milhões de usuários mensais ativos, e mais de 280 milhões de usuários registrados.

O programa fica em algum lugar entre o Skype e WhatsApp, pois ele pode ser usado para enviar mensagens gratuitas e fazer ligações gratuitas (VoIP) a outros usuários Viber, em qualquer dispositivo e rede, em qualquer país.

O programa permite enviar fotos e mensagens de vídeo sem ter que adicionar contatos manualmente (todos os contatos telefônicos que instalaram Viber serão listados como contatos Viber) e sincroniza seus contatos e mensagens com seu dispositivo móvel. Viber está disponível para Android, iOS, Windows Phone, BlackBerry, Windows, Mac e Linux.

Para instalar o Viber, faça da seguinte maneira:

yaourt -S viber

Google corrige um antigo e importante bug no kernel Linux

Google_Linux_TuxO Phoronix descreve o bug causador de congestionamentos de rede que, após anos presente no kernel Linux, recentemente foi corrigido por um commit enviado pelo Google.

Colocando em palavras simples demais, o bug acontecia porque o kernel confundia com ausência de congestionamento os eventuais períodos de inatividade de rede. Assim, quando a atividade recomeçava, ele mandava mais pacotes do que a rede era capaz de comportar na prática, causando congestionamento e seus efeitos: perda, retransmissão, queda de desempenho, encaminhamento fora de ordem, etc.

Novo “modo secreto” está no beta do Firefox

mozilla_firefox_logoBloquear cookies é só o começo: quem já olhou recentemente o arquivo de configurações de algum utilitário no estilo do Privoxy tem noção dos truques quase macabros que vêm entrando em uso para rastrear o tráfego, agora que as configurações default de cada vez mais navegadores são um pouco mais fechadas. O Firefox está em vias de dar mais um passo nessa clássica competição entre escudos e armas. Desejo sucesso.

O novo “modo secreto” do Firefox está um pouco mais perto de tornar-se um recurso padrão do conhecido navegador da Mozilla. As versões beta mais recentes do browser para PCs (Windows, Mac e Linux) e Android vem com um novo recurso chamado Tracking Protection.

Fiel ao seu nome, o Tracking Protection bloqueia ativamente o rastreamento de terceiros. Para fazer isso, o recurso evita o carregamento de qualquer elemento de uma página que possa ter código criado para rastrear seus hábitos de navegação.

Vamos dizer que você visita regularmente um site de notícias que sempre mostra um anúncio fornecido por uma empresa de publicidade terceirizada, e que esse anúncio sempre aparece à direita das notícias. Com o Tracking Protection habilitado, você pode deixar de ver esses anúncios caso eles tenham cookies feitos para te seguir pela web.

Vale notar que o Tracking Protection não é exatamente um substituto para os ad-blockers ou plug-ins como o Ghostery. O novo recurso só funciona quando você está no modo de Navegação Privada do Firefox. O Chrome oferece um recurso parecido conhecido como modo incógnito, apesar de essa ferramenta não bloquear rastreadores de terceiros.

Para testar a novidade, é preciso baixar e instalar o Firefox Beta (aviso: isso pode apagar sua instalação estável do navegador). Uma vez que estiver pronto, clique no ícone de menu “hambúrguer” e selecione New Private Windows/Nova Janela Privada.

Instalando editor de vídeo Avidemux no Manjaro

avidemuxAvidemux é um editor de vídeo gratuito projetado para corte simples, filtragem e codificação de tarefas. O programa está disponível para Linux, BSD, Mac OS X e Microsoft Windows sob a licença GNU GPL.

Como o programa as tarefas podem ser automatizadas usando projetos, fila de tarefas e recursos de script poderosos. Apesar do nome dele começar com “Avi”, o aplicativo suporta muitos tipos de arquivos (incluindo AVI), arquivos MPEG compatível com DVD, MP4 e ASF, usando uma variedade de codecs.

Para instalar o Avidemux, faça da seguinte maneira:

sudo pacman -S avidemux-cli

Nova atualização para Manjaro 15.09 (27/09/2015)

image

Estamos felizes em anunciar Manjaro 15.09 (Bellatrix)!

Desde junho estamos trabalhando neste release. Primeira coisa que você vai notar, esta versão não foi etiquetado como 0.9.0 teríamos feito normal. Bem, nós tivemos uma discussão com todos os desenvolvedores e decidiu ir para ano (15) e mês (09).

Outra novidade é: vem com Calamares, o instalador gráfico. É agora suficientemente estável para ser utilizado em sistemas de produção. Também o nosso instalador CLI teve algumas pequenas melhorias.

Com isso, o Firefox foi atualizado para série 41; pulseaudio para 7,0; linux313 para 3.13.11.27;, linux319 a 3.19.8.7, acrescentou algumas correções DBUS; Mate ajustado em relação ao polkit; e corrigido alguns problemas em nossas ferramentas.

Também nós enviamos os reparos de upstream Archlinux habituais (Sun Set 27 09:24:04 CEST 2015).

Para maiores informações, clique aqui.